O que é Coaching Pessoal Ontológico?

coaching_palabras (1)

O  Coaching Pessoal Ontológico é o processo que trabalha a transformação pessoal a partir do desenvolvimento de novas coerências entre nosso corpo, nossas emoções e nossa linguagem.

A partir do feliz encontro do biólogo Humberto Maturana, do filósofo Rafael Echeverria e do economista Fernando Flores, ex-ministro do governo Allende no Chile e depois, com  importantes contribuições de Julio Olaya se consolidou a ideia da Ontologia da Linguagem, cujos princípios hoje servem de base ao Coach Ontológico.

Nesta linha de coaching, as transformações são facilitadas ao se dar ênfase ao uso da linguagem como fator de interação (saber ouvir, saber se expressar, saber criticar) e de coordenação organizacional na implementação de nossos desejos. É através da Ontologia da linguagem que aprendemos a tornar eficaz o alinhamento de nossas interpretações, intenções, comprometimentos e relacionamentos com os demais.

A Ontologia da Linguagem, ao reconhecer a incapacidade do ser humano em acessar diretamente a realidade e ao valorizar o poder criativo das palavras nos legou, entre outros princípios, o seguinte:

 As palavras são ações, ações que geram mundo.

Com esta visão, podemos afirmar que o sofrimento é mutável, pois é linguístico.

O Coach Pessoal Ontológico trabalha na conscientização e desenvolvimento de atitudes, estados anímicos e modelos de linguagem. É através desta conscientização e desenvolvimento que geramos novas coerências corpo-emoção-linguagem que nos tormam mais competentes para enfrentarmos com sucesso e maior bem-estar o nosso dia a dia.

Ao encarar as palavras como ação, podemos dizer que elas não são inocentes, pois não somente nos transformam como também transformam o contexto.

Com o objetivo de otimizar o uso deste poder criador das palavras, a Ontologia da Linguagem classificou as ações da linguagem em cinco tipos, ou em cinco diferentes atos: afirmações, declarações, pedidos, ofertas e promessas.

Através destes cinco atos podemos, de forma mais objetiva e clara, construir nossos projetos no mundo.

Através de afirmações podemos descrever o contexto sobre o qual queremos construir. Ao partir de uma concepção pós-moderna do ser humano, ou seja, que o homem não percebe diretamente a realidade e sim através de modelos que a decodificam, existem tantas verdades quanto o número de observadores  da mesma. Como estabelecer então uma “realidade” única sobre a qual queremos operar em conjunto? Através de afirmações, ou seja, por declarações que estejam validadas como verdades por toda uma sociedade. Por exemplo, se afirmo ter dois metros de altura, tenho como prova o sistema métrico definido e aceito por todos.

O segundo ato é o da declaração. Em linguagem mais simples, são as opiniões. É através das declarações que especificamos os projetos que queremos implementar. É através de declarações sobre o que é bonito ou  feio, grande ou pequeno, etc, que definimos do que gostamos e o que queremos. Para terminar de esclarecer nosso projeto, basta então utilizar afirmações que o valide.

Gerado e entendido o contexto no qual queremos construir nosso projeto através de afirmações e definido o projeto através de declarações, necessitamos de outros três atos para coordenar a implementação do mesmo. É através de pedidos, ofertas e promessas que coordenamos a construção de nossos projetos.

O Coaching Pessoal Ontológico nos ensina a entender e a aplicar este poder criativo da linguagem. É através deste poder que nos transformamos linguísticamente. Também evoluímos emocionalmente através de reconstruções linguísticas de emoções, e corporalmente, ao aprender a gerar, a liberar e a encaminhar o poder de nossas atitudes.

 

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *